EcoSport Club

Fórum de discussões sobre o Ford EcoSport


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Luz do Freio de Mão (!)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

#1
 Adilson Lacerda

avatar
Iniciante
Iniciante
Olá Pessoal!

Mais uma vez estou precisando da ajuda dos amigos. Nos últimos dias, tenho percebido que toda vez que passo a primeira marcha ou estou em marcha lenta acende uma luz no painel (a mesma que acende ao puxar o freio de mão), trata-se daquela que tem um símbolo assim (!).

Estou preocupado disso se tornar uma grande problema. Alguém já passou por isso ou sabe informar do que se trata? Espero a opinião de vocês antes de gastar com mecânicos ou eletricistas.

Desde já agradeço a todos.

Fiquem com DEUS!

#2
 sobral cunha

avatar
Membro
Membro
Boa noite Adilson

Normalmente esta lâmpada acende para mostrar baixo nível de fluido de freio, verifique o nível do fluido e lembre-se que este mesmo fluido serve também para a embreagem hidráulica de seu carro, é importante que o nível esteja correto.

Se o nível estiver baixo complete-o com o fluido indicado e observe se o nível continua baixando. Caso positivo, o fluido está vazando por algum lugar, pode ser por um flexível ou por outro lugar, leve a um mecânico para conferir onde está o problema. Se não continuar baixando não precisa se preocupar, o próprio assentamento e desgaste de pastilhas e lonas faz com que ele baixe um pouco ao longo do tempo.

Se o nível estiver correto pode ser que o sensor de nível, que é acoplado à tampa, esteja com algum mal contato. Limpe os contatos elétricos desta tampa e do chicote que se acopla a ela, isso pode resolver o problema. Cuidado ao retirar a tampa, pois este fluido mancha a pintura do carro com enorme facilidade. Uma tampa de reservatório nova pode ser encontrada no ML por algo em torno de R$40,00.

Outra possibilidade que vejo é algum mal contato no sensor da alavanca de freio (sujeira, etc), é só limpar ou trocar a peça.

Espero ter ajudado, abraço e bom final de semana.

#3
 Adilson Lacerda

avatar
Iniciante
Iniciante
Saudações!

Muito esclarecedora as suas palavras. Fico muito grato por contar com esse fórum. Irei verificar cada detalhe informado e retorno com resultado.

Mais uma vez muito obrigado.

#4
 sgmeira

avatar
Membro Advanced
Membro Advanced
Muito boa explicação. O ideal é trocar o fluído pelo menos uma vez por ano. Procure não misturar o fluído velho com o novo.
olhe a materia abaixo:

Ele é um dos itens de segurança mais importantes em um veículo, mas poucas pessoas se lembram dele: o fluído de freio. Ele é o responsável por transmitir a força do pedal até as rodas. Por isso, deve receber atenção máxima. Mecânicos e especialistas no assunto afirmam que ele deve ser trocado a cada 10 mil quilômetros rodados ou a cada ano. Além disso, é importante verificar regularmente o nível no reservatório. O fluido é higroscópico, ou seja, ele absorve a umidade do ambiente. Além disso, ele é biodegradável, se misturando facilmente à água. Por isso, independentemente da quilometragem, é preciso substituí-lo a cada um ano. A água prejudica o sistema de frenagem e forma bolhas na tubulação dos freios.

De acordo com Edi Carlos Duenas, técnico de uma empresa especializada em serviços automotivos, a própria umidade do ar causa perda de viscosidade do fluído. “Se o material se tornar menos viscoso, será mais fácil se aquecer. Com esse aquecimento, o freio pode não funcionar”, alerta. Carlos Duenas deu um exemplo do que pode acontecer se você estiver descendo uma serra, situação onde o freio é muito solicitado. “Com a utilização freqüente do freio, o atrito constante faz com que a pastilha e o disco se aqueçam, e conseqüentemente, também o fluído de freio. Se este entrar em ponto de fervura, ele irá gerar bolhas de ar que causam perda momentânea da pressão do pedal de freio”, explica o técnico. O grande problema do sistema do fluído é a absorção de umidade que pode começar a corroer o sistema de freio e ao baixar a temperatura que entra em ebulição pode comprometer a segurança. Quando o fluído apresenta mais de 3% de umidade, o sistema pode não funcionar. Por isso, fique atento e faça revisões periódicas.

Outros problemas
Diferentemente do óleo do motor, o fluído do freio não sofre consumo. Se tudo estiver bem, o nível do reservatório estará sempre constante. Mas fique alerta se ocorrer baixa no nível, pois isso pode ser um vazamento embaixo do cofre do motor ou nas rodas. Evite completar o reservatório. O ideal é esgotar o sistema hidráulico e trocar o fluído. Caso não haja vazamento, o problema pode ser outro. A baixa no fluído pode indicar que as pastilhas de freio estão gastas, puxando o líquido para compensar a diferença. Verifique periodicamente o estado das pastilhas. Caso estejam gastas, faça a substituição. “As pastilhas ou a lona traseira, gastam com o tempo e tudo isso influencia no bom funcionamento do sistema de freios”, explica o mecânico Nelson Siconi Júnior, que trabalha há 16 anos no ramo.

Segundo ele, quando as pastilhas ficam gastas o ferro vai encostando no disco, causando aquele barulho bem característico quando você freia. “Quando começa a aparecer esse barulho, está na hora de trocar as pastilhas”. Para trocá-las, gasta-se em média de R$ 12 a R$ 54. Siconi, que costuma fazer de uma a três trocas de fluído de freio por mês, garante que poucas pessoas sabem da importância desse item para a segurança do veículo. “Normalmente, as pessoas vêm aqui fazer a revisão do carro mas nunca para checar o fluído. Algumas me dizem que só completam o reservatório. Isso só mostra que elas não sabem da importância da manutenção dos freios para a segurança”, garante.

Tarefa exige conhecimento
A troca do fluído de freio não é simples. Ao contrário do que muitos podem pensar, o esse trabalho exige conhecimento técnico para que não entre ar no sistema, o que poderá tornar o freio ineficiente quando solicitado. Nas concessionárias, a orientação é de trocar conforme a recomendação do fabricante. Ou, como é feito normalmente, a cada 10 mil quilômetros rodados ou anualmente. Mas lembre-se: mecânicos e especialistas alertam para nunca completar o recipiente do fluído de freio. “Deve-se trocar todo o conteúdo e nunca completar”, alerta o mecânico Nelson Siconi Júnior. A troca do fluído sai por aproximadamente R$ 40 e demora de 40 minutos a uma hora. O serviço deve ser feito em oficinas mecânicas ou centros automotivos especializados, nunca em postos de combustíveis.

“Além da troca anual, a pessoa deve ficar atenta na hora de compra um carro usado. No momento da compra, leve o carro para trocar o fluído”, alerta o técnico de uma empresa especializada em ser-viços automotivos, Edi Carlos Duenas. Use sempre a especificação indicada pelo manual do proprietário. Na maioria das vezes é DOT3, mas também existem DOT4 e DOT5. Para fazer a troca, é necessário esgotar a mangueira principal, abrir todos os sangradores localizados nas rodas, retirar todo o fluído de freio, pisar no freio e limpar à vácuo o recipiente. Recomenda-se fazer a troca em um dia quente, sem muita umidade para não afetar a viscosidade do fluído.

http://www.diarioweb.com.br/editorial/corpo_noticia.asp?IdCategoria=62&IdNoticia=47165

#5
 Smaylle

avatar
Membro Gold
Membro Gold
Muito bom, muito bom mesmo, estão de parabéns!!! BatPalm 

#6
 sgmeira

avatar
Membro Advanced
Membro Advanced
What a Face What a Face What a Face What a Face 

#7
 Adilson Lacerda

avatar
Iniciante
Iniciante
Boa Noite Pessoal!

Apenas para concluir, fui até um mecânico e realmente era problema de fluído de freio (estava com pouco óleo). Antes eu havia checado tudo que os amigos do fórum informaram. Mais uma vez obrigado a todos e até a próxima.

#8
 emerson eco09

avatar
Iniciante
Iniciante
Olá, estou com problema semelhante a este, mas o nível se encontra normal, sensor do freio de mão normal, a luz do freio de mão quando o carro está em movimento ou parado fica acesa e mexendo na alavanca do cambio ela pisca, quando estou andando com o carro e troco de marcha ela pisca se estiver engrenado dando um pequeno toque no cambio ela apaga durando um período e volta a acendre a qualquer momento. Alguém já passou por esse problema?

#9
 Zanetti

avatar
Diamond Titanium
Diamond Titanium
Pelo que vc relata o problema esta no interruptor que fica no chão e é acionado pela alavanca.

#10
 Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum